Ground spiders (Arachnida, Araneae) associated with urban forest fragments in southern Amazon

Fragmentos florestais em áreas urbanas compreendem importantes habitats para uma grande variedade de espécies, entretanto, políticas conservacionistas ainda são incipientes para sua manutenção e conservação. Assim, avaliou-se a riqueza e abundância da assembleia de aranhas de solo em cinco fragmentos florestais, com áreas variando entre 18,5 e 103,98 ha, no perímetro urbano de Sinop, norte de Mato Grosso, sul da Amazônia. As amostragens foram efetuadas com Extrator mini-Winkler e armadilhas pitfall nos períodos de seca (julho) e chuva (novembro) de 2017. Os fragmentos foram caracterizados em relação à área e ao Índice de Integridade Biótica (IBI) para avaliar o efeito dessas variáveis sobre a riqueza e abundância da assembleia de aranhas de solo. Um total de 653 aranhas foi amostrado, compreendendo 25 famílias e 52 espécies. Salticidae, Theridiidae, Lycosidae, Linyphiidae, Oonopidae e Symphytognathidae corresponderam às famílias mais abundantes (63,3% do total). Aranhas caçadoras (393 ind.; 60,2%) predominaram em relação às tecelãs (260 ind.; 39,8%). A maior abundância e riqueza de espécies de aranhas foram obtidas durante o período de chuva (517 ind.; 79,2%; 41 spp.) em relação ao período de seca (136 ind.; 20,8%; 24 spp.). Duas espécies foram registradas pela primeira vez na região Amazônica, Anapistula aquytabueraRheims & Brescovit, 2003 (Symphytognathidae) and Opopaea concolor (Blackwall, 1859) (Oonopidae). A riqueza de espécies não foi afetada pelo IBI nem pela área dos fragmentos. Embora o modelo estatístico não seja significativo, observa-se que a riqueza de espécies aumenta ligeiramente com o aumento do IBI e da área dos fragmentos. Da mesma forma, a abundância das aranhas não foi afetada pelo IBI e nem pela área do fragmento. Todos os fragmentos florestais avaliados, independente do tamanho da área, apresentaram um baixo ou regular IBI, evidenciando que estes habitats têm sofrido com as pressões inerentes do perímetro urbano incluindo a constante expansão da ocupação humana, bem como o mau uso por parte da população. Entretanto, estes mesmos fragmentos, evidenciaram considerável riqueza de espécies de aranhas de solo, podendo ser categorizados como importantes habitats para a manutenção da biodiversidade regional e, portanto, sendo necessária a definição de estratégias de ação que garantam sua conservação.
Keywords
Arachnids;  Diversity;  Temporal variation;  Urban areas;  Aracnídeos;  Áreas urbanas;  Diversidade;  Variação temporal

Other Titles
Aranhas de solo (Arachnida, Araneae) associadas a fragmentos florestais urbanos no sul da Amazônia
metadata.dc.contributor
metadata.dc.contributor.external
metadata.dc.description.sponsorship
Document type
Article
Source
Santos GE.R., Solera K, Costa CA., Marques MI., Brescovit AD, Battirola LD.. Ground spiders (Arachnida, Araneae) associated with urban forest fragments in southern Amazon. Biota Neotrop.. 2020 Dec;20(4):e20201062. doi:10.1590/1676-0611-bn-2020-1062.
Appears in Collections:
Metrics
Rights
Open Access
URL
URI

Show full item record

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.