Spider (Arachnida-Araneae) diversity in an amazonian altitudinal gradient: are the patterns congruent with mid-domain and rapoport effect predictions?

Translated title
Diversidade de aranhas (arachnida-Araneae) em um gradiente altitudinal na Amazônia. seriam os padrões congruentes com o esperado pelo efeito do dominio central e pelo efeito rapoport?

Publication type
Article
Language
English
Access rights
Open access
Terms of use
CC BY
Appears in Collections:
Metrics
Abstract
The Mid-Domain Effect (MDE) and the Rapoport (RE) effect are two biogeographical theories that make predictions about biogeogaphic patterns. MDE predicts higher richness in the central portions of a gradient if it is within a bounded domain. RE predicts a positive relation between altitude and species range size along an altitudinal gradient. Our aim was to document the distribution of spider species richness along an altitudinal gradient in the Brazilian Amazon, and to test the influence of MDE and RE on the diversity patterns. Our study was conducted at the Pico da Neblina (Amazonas state, Brazil), and we sampled spiders at six different altitudes using two methods: nocturnal hand sampling and a beating tray. We obtained 3,140 adult spiders from 39 families, sorted to 529 species/morphospecies. Richness declined continuously with an altitude increase, but the fit with the MDE richness estimates was very weak and was not significant. Range size was not related to altitude, i. e., no RE. Finally, the abundance distribution within each species range varied more specifically, which prevented the occurrence of a RE at the community level. The influence of MDE was extremely low, a consequence of our community characteristics, formed mostly by small range size species. Short and medium range species were located at all altitudes, preventing a significant relation between range size and altitude. The distribution of abundance within a species range varied specifically and do not support a RE hypothesis.
Abstract in Portuguese
O Efeito do Domínio Central (MDE) e o Efeito Rapoport (ER) são duas teorias biogeografias que fazem previsões sobre a distribuição da diversidade ao longo de gradientes. O MDE prevê maior riqueza nas porções centrais de um gradiente, se este estiver dentro de um domínio fechado. O ER prevê uma relação positiva entre altitude e tamanho da distribuição ao longo do gradiente altitudinal. Nosso objetivo foi o de registrar a distribuição de uma comunidade de aranhas ao longo de um gradiente altitudinal na Amazônia Brasileira, e testar se há uma influência do EDC e do ER sobre os padrões de diversidade da comunidade. Nosso estudo foi feito no Parque Nacional do Pico da Neblina (AM, Brasil), e nós amostramos aranhas em seis altitudes diferentes. Nós coletamos 3.140 exemplares adultos de 39 famílias, que foram divididos em 529 espécies/morfoespécies. A riqueza declinou com o aumento de altitude, mas o padrão não mostrou ajuste com as previsões feitas pelo EDC. O tamanho da distribuição altitudinal também não esteve relacionado ao previsto pelo ER. Por fim, a distribuição de abundância ao longo da distribuição altitudinal das espécies variou de maneira específica, o que impediu a ocorrência de um ER nos padrões da comunidade. A influência do EDC sobre os padrões observados foi baixíssima, uma consequência de características de nossa comunidade, já que esta é formada por espécies com pequena distribuição altitudinal. Espécies de distribuição altitudinal médias e grandes ocorreram em todas as partes do gradiente o que impediu a ocorrência de um ER. Por fim, o ER também não foi observado na distribuição de abundância das espécies ao longo do gradiente, já que essa variou de maneira específica.
Reference
Nogueira AA, Brescovit AD, Perbiche-Neves G, Venticinque EM. Spider (Arachnida-Araneae) diversity in an amazonian altitudinal gradient: are the patterns congruent with mid-domain and rapoport effect predictions?. Biota Neotrop.. 2021 Sept;21(4):e20211210. doi:10.1590/1676-0611-BN-2021-1210.
Link to cite this reference
https://repositorio.butantan.gov.br/handle/butantan/3966
Journal title
Issue Date
2021


Files in This Item:

10.15901676-0611-BN-2021-1210.pdf
Description:
Size: 902.78 kB
Format: Adobe PDF
View/Open
Show full item record

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons