Análise bioquímica do veneno da serpente Philodryas patagoniensis: caracterização preliminar de uma calicreína-símile


Publication type
Academic monograph
Language
Portuguese
Access rights
Restricted access
Abstract
The snakebite is considered a worldwide public health concern that is constantly neglected as it occurs, essentially, in regions of Africa, Asia and Latin America. As these accidents usually happen in countries that are emerging or underdeveloped, the incidence and mortality data end up not being accurate due to the lack of proper notification. In addition, the affected patient often may not receive adequate treatment due to the difficulty in identifying the snake and having access to serum therapy. Snakes can be found throughout Brazilian territory, and snakes are quite common in the country. Among the genera that can be found in the country, it is included in the genus Philodryas, which has some species of snakes, among them is Philodryas patagoniensis. The envenomation by this snake, generally, does not evolve into a serious clinical condition. However, its venom generates edematogenic and hemorrhagic activity, in addition to pain and tissue damage in the injured area, which causes cases of poisoning by this snake to be mistaken for the snake-like accident by Bothrops. In relation to the toxins present in this snake's venom, its composition, biological function and physiological activities are still unclarified. Therefore, the aim of this work is to investigate the composition of the species' venom with regard to the evaluation of a possible release of kinins from the KN-BK substrate by the venom of this snake. Kinins are released by kallikrein, which could indicate a similar kallikrein present in Philodryas patagoniensis venom that would be precisely involved in the process of releasing bradykinin, an inflammatory mediator. This kallikrein-simile contributes to the triggering of clinical manifestations such as pain and edema caused by the poisoning of this snake.
Abstract in Portuguese
O acidente ofídico é considerado um problema de saúde pública mundial, constantemente negligenciado por ocorrer, essencialmente, em regiões da África, Ásia e América Latina. Pelo fato de os acidentes acontecerem geralmente em países que são emergentes ou subdesenvolvidos, os dados de incidência e mortalidade acabam não sendo precisos pela falta da notificação apropriada. Além disso, o paciente acometido, muitas vezes, pode não receber o tratamento adequado pela dificuldade na identificação da serpente e ao acesso a soroterapia. As serpentes podem ser amplamente encontradas em todo território brasileiro, sendo o ofidismo bastante comum no país. Em meio aos gêneros que podem ser encontrados no país, está incluído o gênero Philodryas, que possui algumas espécies de serpentes, dentre elas, a Philodryas patagoniensis. O envenenamento por esta serpente, geralmente não evolui para um quadro clínico grave. No entanto, seu veneno gera atividade edematogênica e hemorrágica além de dor e dano tecidual no local lesado, o que faz com que os casos de envenenamento por essa serpente sejam confundidos com o acidente ofídico causados por serpentes do gênero Bothrops. Em relação às toxinas presentes no veneno dessa serpente, sua composição, função biológica e atividades fisiológicas ainda não são esclarecidas. Diante disto, o intuito deste trabalho é investigar a composição do veneno da espécie no que diz respeito à avaliação de uma possível liberação de cininas do substrato KN-BK pelo veneno dessa serpente. As cininas são liberadas pelas calicreínas plasmática e teciduais humanas e são peptídeos bioativos com funções na regulação da pressão arterial e participação em processos inflamatórios. Assim, a observação de uma calicreína-símile presente no veneno de Philodryas patagoniensis poderia estar envolvida no desencadeamento das manifestações clínicas como a dor e o edema acarretadas pelo envenenamento desta serpente.
Link to cite this reference
https://repositorio.butantan.gov.br/handle/butantan/4215
Issue Date
2022


Files in This Item:

Existing users please Login
TCC_Victoria Thauan Garcia Martins.pdf
Description:
Size: 1.5 MB
Format: Adobe PDF
Embargoed until January 1, 2099    Request a copy
Show full item record

The access to the publications deposited in this repository respects the licenses from journals and publishers.