Efeito do LASER de baixa intensidade associado à terapia com antiveneno na modulação do processo inflamatório e no reparo da mionecrose de camundongos injetados com veneno de Bothrops jararacussu


Publication type
Doctoral thesis
Language
Portuguese
Access rights
Restricted access
Appears in Collections:
Abstract in Portuguese
Objetivo: Avaliar se a fotobiomodulação isolada e em associação com a soroterapia, modula fatores pró- e anti-inflamatórios, bem como o reparo e a função motora de músculos de camundongos injetados com veneno de Bothrops jararacussu. Métodos: Camundongos (Swiss, machos, 45 dias, 18-22g) foram submetidos experimentalmente a modelo de mionecrose causada por reações locais desencadeadas pelo envenenamento botrópico (injeção intra-muscular na pata posterior direita), soroterapia (uma única vez, pela via intra-venosa, 45 minutos após o envenenamento) e fotobiomodulação (LASER de baixa intensidade - 660nm, potência média de 100mW e dose de 3,0J de energia). Em seguida, foram distribuídos nos seguintes grupos: veneno (V), antiveneno (A), LASER (L), antiveneno+LBI (AL) e controle (C). A fotobiomodulação ocorreu no músculo envenenado e a cada 24h, por até 14. Incilamente foi testada a ação miotóxica do modelo de lesão proposto e após estes procedimentos, foram coletadas amostras de tecido muscular: 4 horas, 1, 7, 14 e 21 dias pós-envenenamento; para realização de análises histológicas, dosagem de mieloperoxidase (MPO) e N-acetil-β-D-glicosaminidase (NAG), níveis de CK-residual, citocinas (método de ELISA): IL-1β, TNF-⍺, IL-6 e IL-10 e (método de Western Blotting) CD68, CD206, VEGF, TGF-βMyoD, além da realização de teste funcionais: rotarod e análise da marcha. Resultados: As análises dos desfechos propostos e as comparações intergrupos, demonstraram que o protocolo de fotobiomodulação associado à soroterapia promoveu a presença de áreas de maior concentração de características de regeneração muscular, detectadas nas análises histológicas e mediante o aumento dos níveis de CK-residual. Além disso, apresentou aspectos de proteção do tecido muscular, uma vez que conteve os níveis de infiltrado inflamatório neutrofílico nos tempos mais precoces do presente estudo. Foram identificados melhores índices funcionais e detectadas características anti-inflamatórias e reparadoras da lesão, mediante os aumentos dos níveis de CD206, IL-10, TGF-β e MyoD. Conclusões: O protocolo de fotobiomodulação, principalmente quando associado à soroterapia; se mostrou efetivo para modular os fatores anti-inflamatórios, regenerativos e as características funcionais.
Reference
JESUS, Julio Fernandes. Efeito do LASER de baixa intensidade associado à terapia com antiveneno na modulação do processo inflamatório e no reparo da mionecrose de camundongos injetados com veneno de Bothrops jararacussu. 2022. 92 p. Tese (Doutorado em Ciências - Toxinologia) – Instituto Butantan, São Paulo, 2022. JESUS, Julio Fernandes. Low-level laser effects in association with antivenom therapy on the inflammatory process and myonecrosis modulation in mice injected with Bothrops jararacussu venom. 2022. 92 p. Doctoral dissertation (Doctorate degree in Sciences - Toxinology) – Instituto Butantan, São Paulo, 2022.
Link to cite this reference
https://repositorio.butantan.gov.br/handle/butantan/4494
Issue Date
2022


Files in This Item:

Existing users please Login
Julio Fernandes de Jesus.pdf
Description:
Size: 2.38 MB
Format: Adobe PDF
Embargoed until January 1, 2099    Request a copy
Show full item record

The access to the publications deposited in this repository respects the licenses from journals and publishers.